Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Zagueiro do Internacional “imita” Gabigol e tenta forçar saída

Ao melhor estilo Gabigol, zagueiro do Internacional resolveu declarar o seu sentimento por outro clube. Após o jogo contra o Corinthians, Robert Renan expressou o seu amor pelo time paulista. A declaração dividiu opiniões entre a torcida colocara e colocou em xeque a volta por cima do jogador vestindo o manto vermelho.

A relação dos torcedores com o defensor não é das melhores desde o episódio da semifinal do Campeonato Gaúcho, vale lembrar. Diante do Juventude, na disputa de pênaltis, o jovem atleta de 20 anos de idade resolveu ser ousado e deu uma “cavadinha” que foi defendida pelo goleiro adversário com tranquilidade e resultou na eliminação do time.

A torcida chegou a pedir a saída do jogador, mas a diretoria contornou a situação internamente e o manteve no elenco. O camisa 4 ficou algumas partidas fora e, aos poucos, voltou a receber oportunidades. Recentemente, tem atuado até como lateral-esquerdo sob o comando de Eduardo Coudet.

Contudo, a possível reconciliação com as arquibancadas do Beira-Rio que vinha se desenhando pode acabar indo por água abaixo antes mesmo de se concretizar. Afinal, declarar amor a um clube enquanto joga por outro quase nunca é visto com bons olhos, ainda mais tendo em vista a rivalidade existente entre ambos.

Relembre a declaração do zagueiro do Internacional

Após o apito final do duelo contra o Alvinegro Paulista, em Santa Catarina, Robert afirmou que não gostaria de enfrentar o seu antigo clube novamente. A equipe de Itaquera foi responsável por sua formação e por revelá-lo, por isso ele tem um carinho especial pela camisa corintiana.

“Eu não queria enfrentar o Corinthians, mas como tenho que enfrentar, graças a Deus saí vitorioso. Tenho um respeito muito grande pelo Corinthians, que é o clube onde me tornei profissional. Espero não enfrentar mais, se Deus quiser”, declarou.