Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Vídeo: Robert Renan bate pênalti bisonho e elimina o Inter do Gauchão

Em busca do título, o Inter encerrou a sua trajetória no Campeonato Gaúcho de 2024. A equipe comandada pelo técnico Eduardo Coudet foi eliminada pelo Juventude, nos pênaltis, pelas semifinais da competição estadual. Durante as batidas alternadas, a decisão do zagueiro Robert Renan acabou gerando críticas dos torcedores.

Isso porque o defensor tomou a decisão de bater o pênalti com a cavadinha. O goleiro do Juventude, que havia tomado a decisão de defender o lado esquerdo do gol, teve tempo suficiente para voltar e defender a cobrança de Robert Renan. Diante disso, os torcedores do Colorado ficaram enfurecidos com a decisão do profissional.

Algo que chamou a atenção foi o fato de que o atleta já havia batido desse jeito na Rússia. O técnico Eduardo Coudet recebeu um questionamento sobre a situação, em entrevista coletiva, porém afirmou que não sabia sobre o passado “recorrente” de Robert Renan. Além disso, ele optou por blindar o jogador neste momento.

“Eu não sabia disso [batida de Robert Renan na Rússia]. Na lista dos cobradores que passamos, passamos até o sexto homem, que era o Bruno (Gomes). Depois, os jogadores que escolheram. Mas não quero dar responsabilidade para um garoto de 20 anos. Não falei com ele sobre o motivo dele ter tomado essa decisão”, disse Coudet.

Veja a batida de cavadinha do zagueiro Robert Renan:

Coudet despista sobre Robert Renan e lamenta eliminação do Inter

O Internacional foi derrotado para o Juventude e está fora da final do Campeonato Gaúcho. Agora, o Colorado volta as atenções para a disputa da Copa Sul-Americana. A primeira rodada da competição será disputada na próxima terça-feira (2), contra o Belgrano, da Argentina, em Córdoba. O Clube do Povo terá força máxima no enfrentamento.

”O tema agora é não ter chegado na final onde acham que fizemos as coisas muito bem. Sou o responsável, mas acho que poderíamos ter ganhado tranquilamente os dois jogos. Não sei quantas foram as chances de gol, essas coisas. E não vou tirar o mérito do time rival, que obviamente não está na final por acaso. Mas sinto que por detalhes não vamos jogar a final”, disse Coudet.