Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Pedro Ernesto fica revoltado com desempenho do Internacional

Em sua coluna na GaúchaZH, Pedro Ernesto mostrou insatisfação com o futebol apresentado pelo Internacional nesta quinta-feira (5). Para ele, o time criou chances e deveria ter vencido o Guaireña, no Paraguai. O 1 a 1 expôs a dificuldade da equipe de Mano Menezes para transformar as situações criadas em gols.

“Não importa que o pênalti dos paraguaios não tenha existido. Faz parte ter prejuízos de arbitragem. Já no segundo tempo, a situação ficou melhor, com o adversário ficando muito tempo com 10 homens em campo. O time colorado foi para o ataque, criou situações, mas não soube marcar os dois gols para concretizar a vitória”, analisou o jornalista.

Diferentemente do cenário que existia com Alexander Medina, o Clube do Povo cria mais chances, porém não consegue convertê-las. Segundo o narrador, Mano está buscando alguns ajustes para corrigir as falhas e, com isso, um nome ou outro pode perder lugar no time.

“Para o meu gosto, foi uma má atuação. Poderia e deveria ter ganho, mas faltam ajustes importantes. Mauricio e Gabriel estão perdendo lugar no time. Acho que já não começam no domingo (8) contra o Juventude”, concluiu.

Ressaltados por Pedro Ernesto, erros de conclusão preocupam no Internacional

Contra o Guaireña, o Colorado apresentou os mesmos defeitos que foram cometidos nas últimas rodadas sob o comando de Mano Menezes. A equipe teve maior volume de jogo que o adversário, jogou com a posse da bola, no campo rival, porém não conseguiu converter o domínio em gols, que é o principal.

De acordo com o próprio treinador, a equipe precisa ter mais paciência e cuidado no momento de concluir as jogadas.

O Clube do Povo tenta corrigir as falhas para o próximo jogo contra o Juventude. Os rivais gaúchos se enfrentam no próximo domingo (8), às 19h, no Alfredo Jaconi, pela 5ª rodada do Brasileirão.