Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Leila Pereira prepara grande chapéu no Grêmio

O Palmeiras ainda não anunciou nenhum reforço para a temporada de 2023, mas se prepara para buscar nomes no mercado da bola. A procura será intensificada após a venda do volante Danilo para o futebol inglês.

Além de buscar um substituto para o meio-campista, o clube paulista também desenvolveu o interesse na contratação do atacante Michael, que atualmente defende o Al-Hilal, da Arábia Saudita. A informação foi dada pelo jornalista André Hernan.

Segundo o jornalista, o Palmeiras já abriu conversas com o Al-Hilal para comprar Michael. A intenção é um contrato longo, entre quatro e cinco anos. Os primeiros contatos entre as partes foi considerado promissor, já debateram valores salariais e tempo de contrato.

O negócio ainda é tratado com cautela, já que os valores são considerados altos, mas nenhum tipo de negociação para adquirir o jogador está descartada. A proposta inicial é por compra, mas não está descartado um empréstimo com a opção de compra no fim do vínculo, segundo informado pela ESPN.

Michael pode ficar fora do Mundial

O atacante Michael, que teve ótimas passagens por Goiás e Flamengo, e atualmente defende o Al-Hilal, da Arábia Saudita poderá ser desfalque da equipe árabe no Mundial de Clubes da FIFA que acontece no início de fevereiro.

O clube de Michael poderá enfrentar o Flamengo na semifinal, caso os árabes passem pelo Wydad Casablanca, que jogará em casa diante de sua torcida. Mas o atacante talvez não reencontre seu ex-clube. Isso porque no último domingo (22) Michael saiu chorando ao ser substituído aos 12 minutos do segundo tempo durante a vitória do Al-Hilal sobre o Abha, por 2 a 1.

No dia 4 de fevereiro o Al-Hilal irá enfrentar o Wydad Casablanca pelas quartas de final do Mundial de Clubes. Além do Al-Hilal, a competição da FIFA também terá a participação de Flamengo, Real Madrid, Seattle Sounders (Estados Unidos), Wydad Casablanca (Marrocos), Al Ahly (Egito) e Auckland City (Nova Zelândia).