Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Inter bateu o martelo e fez a segunda maior contratação da história

O Internacional acabou batendo o martelo nos bastidores para realizar a segunda maior contratação de toda a sua história, impressionando os torcedores. A pré-temporada do time gaúcho anda fraca no quesito novos nomes, tendo em vista que o time pouco confirmou reforços desde o final do último Campeonato Brasileiro, mas isso não quer dizer que não gastou muito.

Uma das maiores preocupações da comissão técnica de Mano Menezes era manter a base do elenco que foi tão bem na competição nacional de pontos corridos em 2022. No entanto, com alguns jogadores sendo emprestados à equipe, não foi uma missão tão fácil assim conseguir permanecer com os titulares entrando na temporada 2023.

Um dos que deu mais trabalho, não na questão burocrática, mas sim financeira, foi o atacante Wanderson, que pertencia ao Krasnodar, da Rússia. Com empréstimo se encerrando ao final do último ano, a diretoria do Inter precisava se mexer para comprar os direitos do jogador em definitivo, algo que aconteceu e não custou barato para os cofres colorados.

Para ter o ponta de vez, o Inter fechou o pagamento de 4,5 milhões de euros, algo que passa dos R$ 23 milhões convertidos atualmente. Esses valores são expressivos, fazendo com que Wanderson entre para a história colorada como um dos atletas mais caros já comprados pelo time. A única contratação que custou mais foi a de Nico Lopez, por 11 milhões de euros, que deram R$ 35,8 milhões na época.

Confira as contratações mais caras da história do Internacional:

  1. Nico Lopez – R$ 35,8 milhões (11 milhões de euros)
  2. Wanderson – R$ 23 milhões (4,5 milhões de euros)
  3. Oscar – R$ 15 milhões
  4. Scocco – R$ 14,3 milhões (6,5 milhões de dólares)
  5. Aránguiz – R$ 12 milhões (5 milhões de dólares)
  6. D’Alessandro – R$ 11,1 milhões (7 milhões de dólares)