Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Gustavo Prado é jogador só do Inter? Tem outro time na parada

O meia Gustavo Prado foi o escolhido por Eduardo Coudet para o lugar de Wanderson na derrota por 1 a 0 para o Athlético-PR, que deixou o gramado ainda no primeiro tempo com lesão no tornozelo, teve bom desempenho e chamou atenção dos torcedores do Colorado. Com gol de Canobbio, o Inter deixou escapar a chance de assumir a liderança do Brasileirão.

Apesar da derrota, a torcida do Inter ficou contente com o desempenho do meia dentro de campo, que assumiu a bronca e correspondeu. Com grande chance perdida por Borré, o passe foi dado por Gustavo Prado, que lamentou a oportunidade perdida.

Com apenas 18 anos, Prado está no Inter desde 2023 vindo da Ferroviária, tendo 70% dos seus direitos econômicos adquiridos pelo Colorado. O percentual restante continuou com a equipe do interior paulista, que enxerga a evolução do jogador e pensa em faturar alto em uma futura venda. Sem poder contar com Wanderson, as chances do jogador começar entre os titulares no próximo jogo são altas.

O Inter volta a campo na próxima quinta-feira (28), contra o Delfín, às 23 horas, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. Com a derrota no Brasileirão, o Colorado está na sexta colocação, com seis pontos conquistados.

Ficha técnica – Athletico 1 x 0 Inter – 3ª rodada do Campeonato Brasileiro 2024

Local: Ligga Arena, em Curitiba (PR)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (FIFA-MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
VAR: Marcio Henrique Gois (SP)
Amarelos: Léo Godoy, Hugo Mallo, Vitão, Robert Renan, Rômulo, Fernandinho, Thiago Heleno, Wesley, Canobbio
Vermelhos: Canobbio
Gols: Canobbio (25/2º)

Athletico: Bento, Léo Godoy (Madson), Kaique Rocha, Thiago Heleno, Esquivel; Erick, Fernandinho; Julimar (Zapelli (Felipinho)), Canobbio, Cuello; Pablo (Mastriani). Técnico: Cuca

Internacional: Rochet; Hugo Mallo (Lucca), Vitão, Robert Renan, Renê; Bruno Henrique(Bustos), Rômulo (Thiago Maia); Wesley, Maurício (Bruno Gomes), Wanderson (Gustavo Prado); Borré. Técnico: Eduardo Coudet.