Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

D’Alessandro voltou a cobrar o Internacional

O ídolo D’Alessandro, que está aposentado dos gramados desde o final de 2022, retornou à Porto Alegre depois de trabalhar em Belo Horizonte, pelo Cruzeiro, em 2023, e voltou a cobra o Internacional. Com valores em aberto para receber do clube, o ex-meia contou que não quer ter diálogo com a direção colorada para renegociar a dívida.

Em declaração no meio de 2023, D’Alessandro contou que não quer diálogo por não houve esforço do clube em pagar os valores. Para o ex-jogador, a direção do Inter não levou em consideração os anos de trabalho do jogador ao clube.

“É bom reconhecer que essa dívida vem de anos atrás, com Giovanni (Luigi), Marcelo Medeiros. Nunca esteve em dia, mas existia um esforço a pagar, para ter um tratamento o melhor possível, um diálogo. Hoje não tem diálogo, tratamento ao que acho que entreguei durante muitos anos aqui no clube. Então a possibilidade de tomar decisão um pouco mais forte aparece”, explicou.

No começo de 2021, D’Alessandro fez acordo com o clube, onde a direção prometeu arcar com os R$ 6 milhões que devia ao jogador em 40 parcelas de R$ 150 mil. Sem cumprir todas as partidas, D’Ale ainda tem cerca de R$ 3 milhões a receber e exige o pagamento.

“É uma dívida antiga. Claro que eu pertencia ao clube, mas sempre houve um diálogo próximo. Isso que me deixa chateado, de as pessoas se omitirem, não honrarem a palavra. Eu sempre honrei. Entendia as situações do clube. Nunca recusei tempo, valor, parcelas. Só assinei o papel. Hoje não sou mais atleta e posso dar os detalhes. O que mais me dói é o tratamento, a distância que se impõe. Não só não honrando o acordo… Trabalhei muito tempo no clube e em algum momento voltarei. Tenho meus filhos na arquibancada. É um direito que farei valer”, finalizou o ídolo.