Torcida Vermelha
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Acusação de assassinato abala alvo do Internacional; jogador pode ser preso

Alvo do Internacional no mercado da bola pode acabar sendo preso no México. O zagueiro Carlos Salcedo, do Cruz Azul, apontado como possível reforço do Colorado nesta janela de transferências, está sendo acusado de ter participado da morte de Martha Paola Salcedo, sua irmã.

Martha foi assassinada a tiros no último sábado (29). Segundo a mãe do atleta, María Isabel Hernández Navarro, ele e sua esposa, Andrea Navarro, teriam participado da elaboração do crime. Por meio das redes sociais, ela afirmou que os dois são os autores intelectuais da morte de Martha e pediu justiça pela filha.

De acordo com a mãe, esse seria o motivo pelo qual o defensor estaria disposto a se transferir para outra equipe e deixar o país. Recentemente, foi noticiado na imprensa mexicana o desejo de Salcedo de deixar o futebol mexicano, alegando motivos pessoais.

O conflito entre os familiares tem origem em um comunicado divulgado pelo zagueiro. Por meio do documento, Carlos anunciou que cortou os laços com a mãe, a irmã e o pai, que era o responsável por gerir a sua carreira. Ele alegou que os familiares estavam se aproveitando de sua situação econômica e acusou a irmã de tentar desestabilizá-lo.

Zagueiro foi apontado como alvo do Internacional

O Inter está em busca de reforços para a sequência da temporada. Correndo o risco de perder peças da posição, a diretoria vermelha começou a buscar zagueiros de forma antecipada no mercado da bola. Carlos Salcedo foi um dos nomes procurados.

Os valores envolvidos na contratação do defensor, no entanto, afastaram o Clube do Povo, que passou a monitorar outros nomes. O Colorado também observa atletas de outras posições que possam reforçar o plantel.